Translate

terça-feira, 31 de julho de 2012

Após negociações frustradas, Flamengo intensifica busca por reforços




A diretoria do Flamengo continua trabalhando na tentativa de reforçar o elenco para o restante da temporada. O diretor de futebol Zinho tem em suas mãos uma lista feita pelo técnico Dorival Júnior com indicações de nomes que ainda podem ser procurados.

Com o fechamento da janela de transferências internacionais, o clube, como o próprio treinador reconheceu, terá que voltar as suas atenções para atletas de clubes da Série B ou da Série C do Campeonato Brasileiro, além de nomes que não tenham completado sete jogos com a camisa de times da elite nacional.

A prioridade, na visão de Dorival Júnior, é a chegada de um zagueiro e de um meia. Para a zaga apenas Marcos González é visto como titular absoluto e mesmo assim não chega a ser tratado como "insubstituível". Marllon e Arthur Sanchez, que ganharam oportunidades sob o comando de Joel Santana, são tidos como imaturos para assumirem a função no time principal ao longo de todo o Brasileiro.

Tanto que o esquecido Welinton, que chegou a flertar com o Bahia e ser colocado em disponibilidade, voltou a ser escalado. Ele, porém, é quase um problema em partidas no Rio de Janeiro, uma vez que os torcedores costumam hostilizá-lo bastante por conta de atuações comprometedoras no passado.

Disposto a apostar em um jogador experiente, o Flamengo deverá apresentar proposta nos próximos dias por algum nome disponível. Pereira, hoje no Coritiba, foi falado, mas depende do aval de Dorival. Zinho pensa em Bruno Uvini, do São Paulo, que vinha sendo pouco aproveitado no Morumbi. Mas com a troca de comando técnico no clube paulista, a realidade pode ser modificada.

Para o meio-de-campo a ideia é tentar um camisa 10 que possa ser respeitado. Mas as opções são poucas. O nome que é trabalhado, inclusive com o aval de Dorival, é o argentino Jesús Dátolo, que trabalhou com o treinador no Internacional. Ele tem apenas três jogos no Brasileiro com a camisa do clube colorado e é visto como uma solução rápida. O clube gaúcho, porém, teria que aceitar liberá-lo, algo que se complicou com a saída de Oscar para o Chelsea.

O nome de Paulo Henrique Ganso, em litígio com o Santos, chegou a ser falado e, logicamente, tem o apoio de Dorival. Mas se o jogador deixar a Vila Belmiro o destino dele deverá ser mesmo o Internacional ou o exterior.

Além dessas duas posições, alguns jogadores podem chegar para compor o elenco e evitar que Dorival sofra com perdas importantes na sequência da temporada. Um centroavante poderia ser procurado para atuar ao lado de Vagner Love. Rafael Moura, hoje no Fluminense, chegou a ser sondado, mas a negociação é tida como complicada.

Liedson, que se despediu oficialmente do Corinthians nesta terça-feira, é um nome que agrada a Zinho e principalmente aos torcedores, pois teve uma boa passagem pela Gávea. Mas como a contratação é para compor elenco, o jogador teria que aceitar receber um salário bem inferior ao que ganhava no clube paulista, o que pode atrapalhar os planos.

A ideia da diretoria é conseguir fechar o elenco até o fim do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o que pode fazer com que a semana seja de novidades no clube.

fonte link
Postar um comentário