Translate

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Recém-chegado ao Fla, Ramon reconhece: ‘A cobrança é justa’


Com menos de 15 dias de clube, lateral-esquerdo vê a direção trocar o treinador



Zinho decidiu demitir Joel Santana com a intenção de dar um novo rumo ao Flamengo. O diretor de futebol já não via no trabalho do treinador a qualidade necessária para fazer o grupo reagir no Campeonato Brasileiro. Segundo o dirigente, a media não será a única. Além de realizar a troca de comandante – Dorival Júnior é o mais cotado para assumir -, ele quer uma postura diferente dos jogadores. Na última segunda-feira, além de comunicar que Joel havia sido demitido, Zinho cobrou empenho e dividiu responsabilidades numa reunião a portas fechadas com os atletas no Ninho do Urubu.

- A cobrança é justa. O Flamengo não merece nunca estar em décimo lugar, tem que brigar por título pelo grupo que tem. Mas existem aquelas coisas do futebol, às vezes não encaixa. A conversa foi muito produtiva, muito boa. Com essa reuniã e com as mudanças, creio que o Flamengo só vai subir - comentou o lateral-esquerdo Ramon, que começou a treinar no clube no último dia 11.

A principal tarefa do novo técnico será conduzir a equipe ao G-4 do Brasileirão. Esta é a primeira exigência de Zinho. Atualmente, o time está em décimo, com 15 pontos. Além disso, o treinador terá de mesclar experiência e juventude. Sem conseguir contratar um camisa 10, o diretor de futebol aposta muito nos garotos, especialmente Adryan, Mattheus e Thomás.

- A gente sabe que num clube da dimensão do Flamegno, com a torcida que tem, essa mudança mexe bastente. Principalmente quando acontece uma troca de técnica, zera-se tudo, é um recomeço, é normal - avaliou Ramon.

O Rubro-Negro joga nesta quinta-feira contra a Portuguesa, no Engenhão, pela 12ª rodada. A partida será às 21h (de Brasília).




FONTE GLOBO.COM
Postar um comentário