Translate

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Com pinta de surfista, Thomás curte nova fase e tira onda no videogame


'Desde moleque, sempre gostei de jogar futebol, não sei nem subir numa prancha', brinca o camisa 20 do Flamengo

Os cabelos louros e olhos azuis poderiam sugerir que Thomás fosse adepto do surfe. Mas a onda do jogador é outra. No mundo real, ao lado de outros jovens valores como Adryan e Mattheus, ele tenta dar sua contribuição para resgatar o lema de que “craque o Flamengo faz em casa”; no mundo virtual, o meia rubro-negro garante que bate um bolão nos jogos de futebol no videogame.

- Sempre estive com a cabeça tranquila, mesmo sem jogar. Dorival chegou e está me dando oportunidade, espero ajudar. Sabemos que ele tem costume de mesclar garotada com os mais experientes. Temos que mostrar que somos capazes de ajudar a equipe. Pretendemos resgatar esse lema que ficou tão famoso no Flamengo, ainda mais chegando ao time de cima, fazendo grandes partidas e lutar para entrar na história do Flamengo – afirmou Thomás, 19 anos.
Thomás espera se firmar no time do Flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)

Até nos momentos de lazer, o jogador não esquece da bola. E tira onda em cima dos companheiros de time.

- Gosto de jogar Fifa. Eu e Ramon ganhamos direto do Adryan e do Mattheus, metemos a porrada neles, e no Love e no Ibson também. Esse é meu hobby, e também ficar com a família, com a namorada, sou bem tranquilo – destacou Thomás.

O atleta já é reconhecido na rua, mas como jogador de futebol, apesar de fazer estilo mais surfista do que boleiro:

- Desde moleque, sempre gostei de jogar futebol, não sei nem subir numa prancha (risos), meu negócio é com a bola no pé.

Depois de ser preterido na era Joel Santana, Thomás busca seu espaço com Dorival Junior:

- Cada vez mais é o jogo da minha vida. Se começar de titular, vou dar meu máximo para tentar me firmar no time.

fonte link
Postar um comentário