Translate

sábado, 1 de setembro de 2012

Instável no Campeonato Brasileiro, Fla estaciona no meio da tabela


Time não esteve nenhuma vez na zona de classificação para a Libertadores e passou grande parte das rodadas alternando entre nona e 10ª colocações


Por Janir JúniorPorto Alegre

Uma rodada o Flamengo está na nona colocação, depois na 10ª, vai, volta, mas segue na parte intermediária da tabela no Campeonato Brasileiro, cada vez mais distante dos líderes da competição e sem nunca ter dormido na zona de classificação para a Libertadores. Em 20 rodadas, a melhor classificação foi quando ficou em sétimo, na estreia. O Rubro-Negro tem um jogo a menos que os demais – enfrentará o Atlético-MG no dia 26. Mas a campanha instável, tropeços em casa, e um time ainda longe do ideal deixam um ponto de interrogação de onde a equipe pode chegar, e que objetivos conseguir.

Na última quinta-feira, o Flamengo saiu na frente, mas cedeu o empate em 1 a 1 com o Sport, em Volta Redonda. Terminou a rodada na 10ª colocação, com 27 pontos. Líder, o Atlético-MG soma 44, seguido por Fluminense (43), Grêmio (40) e Vasco (35), último na zona de classificação para a Libertadores.

Flamengo é o décimo no Brasileiro. Dorival pede mais para sorrir plenamente (Foto: Maurício Val/VIPCOMM)

O Rubro-Negro soma sete vitórias, seis empates e seis derrotas, com apenas 47,4% de aproveitamento. Em agosto, porém, o time teve a melhor média desde o início da compteição. O aproveitamento nos últimos 30 dias foi de 61,1%. Foram seis partidas disputadas, 18 pontos em jogo e 11 conquistados, um índice que ainda não havia sido alcançado pela equipe nesta edição. A equipe marcou 22 gols, sofreu 23.

Na tabela, estacionou na zona intermediária, e a gangorra alterna entre a nona e 10ª colocações. Logo na abertura do Brasileirão, ainda com Joel Santana no comando da equipe, o time empatou em 1 a 1 com o Sport e dormiu na sétima posição, a mais honrosa até o momento.



Em 20 rodadas, o Rubro-Negro terminou na nona posição em oito delas; em seis, acabou sendo o 10º colocado. A pior colocação aconteceu ao fim da 14ª rodada, quando o jogo com o Atlético-MG foi adiado e o time caiu para 13º. A equipe também habitou a oitava, 11ª e 12ª posições na tabela.

Desde que assumiu o time, no empate em 0 a 0 com a Portuguesa, no Engenhão, Dorival Júnior adotou o discurso de que é preciso vencer para ainda almejar, ao menos, uma vaga na Libertadores.

- O Flamengo não pode se contentar com uma situação como essa. Precisamos melhorar consideravelmente. Não fizemos o resultado que seria importante. Vamos buscar as vitórias nos próximos jogos para subir no campeonato – afirmou o técnico, depois do empate em 1 a 1 com o Sport, na quinta-feira.

Vencer para subir, verbos pouco usados pelo Flamengo no Brasileirão.

fonte link

siga-nos pelo twitter https://twitter.com/urubucarniceiro e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário