Translate

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Neto alerta para reencontro do Fla com algoz São José: 'Jogo perigosíssimo'

Eliminado pelo rival na semifinal da temporada passada, time carioca quer vingar a derrota e alcançar sua 11ª vitória consecutiva na competição


Por GLOBOESPORTE.COMRio de Janeiro


No clássico entre o campeão carioca e o campeão paulista nesta segunda-feira, às 20h, no Ginásio do Tijuca, em partida válida pela terceira rodada do NBB, o Flamengo tem motivos de sobra para querer derrotar o São José. Mais do vingar a eliminação sofrida na semifinal da temporada passada, uma vitória sobre o time paulista ampliará a marca estabelecida pelo time rubro-negro de melhor início de temporada com dez triunfos consecutivos.

José Neto classifica o jogo contra o campeão paulista como perigosíssimo (Foto: Divulgação/Flamengo)

Responsável direto pelo excelente começo de temporada da equipe carioca, o técnico José Neto alerta seus jogadores para o jogo coletivo do rival desta segunda-feira.

- O São José é o atual campeão paulista e o time que eliminou o Flamengo na temporada passada. Sabemos que será um jogo perigosíssimo. Mesmo com o Jefferson e o Fúlvio em grande fase, o conjunto deles é muito forte e o grande diferencial do time deles - disse Neto.

Cestinha na vitória por 98 a 82 sobre o Limeira, o armador Benite concorda com o treinador rubro-negro, mas rechaça qualquer sentimento de vingança.

- É mais uma pedreira que teremos pela frente. O São José é o atual campeão paulista e tem jogadores de muita qualidade. Apesar da derrota na semifinal na temporada passada, temos que entrar em quadra descansados e tranquilos para aumentarmos nossa sequência vitoriosa - afirmou o camisa 8 da Gávea.
Régis Marrelli diz que precisa valorizar a posse de
bola para superar Fla (Foto: Antônio Basílio/PMSJC)

Depois de começar o ano com uma derrota derrota para o Minas, em Belo Horizonte, o São José se recuperou e na sequência venceu Vila Velha e Mogi das Cruzes. Sem poder contar com o ala Dedé, afastado por três semanas para tratar de um incômodo no joelho, além do pivô Murilo Becker, que segue em fase final de fisioterapia nos joelhos, o técnico Régis Marrelli sabe que as dificuldades para acabar com a invencibilidade do Flamengo aumentam fora de casa, mas não intimida o atual campeão paulista.

- Precisamos valorizar a posse de bola. Não podemos dar a bola na mão deles, se não eles ganham de qualquer time brasileiro - afirmou Marrelli, que deverá ter o retorno do ala espanhol Alvaro Calvo, recuperado de uma tendinite no joelho esquerdo.

fonte link


siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário