Translate

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Pelaipe contém euforia com Carlos Eduardo: ‘Não é salvador da pátria’




Meia-atacante estreia neste domingo, contra o Botafogo. Léo Moura define o companheiro: ‘Inteligentíssimo’


Por Richard SouzaRio de Janeiro




Carlos Eduardo é uma das atrações do clássico entre Flamengo e Botafogo, neste domingo, no Engenhão, às 18h30m. O técnico Dorival Júnior avisou que o meia-atacante irá estrear, provavelmente como titular, mas não divulgou sua escolha. Os companheiros do novo camisa 10 rubro-negro também estão na expectativa de vê-lo em ação. Ao longo da semana, CE10 foi muito elogiado por aqueles que concederam entrevista no Ninho do Urubu.

O diretor de futebol Paulo Pelaipe conhece bem Carlos Eduardo, já que o viu surgir no Grêmio, em 2007, quando trabalharam juntos. Pelaipe disputou o jogador com Fluminense, Inter e Santos, superou concorrência, fechou a contratação, mas prefere conter a euforia pela estreia.

- Não é salvador da pátria. Não vai resolver os problemas do Flamengo sozinho. É mais um jogador que chega para ajudar, como outros chegaram. Futebol é coletivo - comentou.
Estreia de Carlos Eduardo no Flamengo anima os companheiros (Foto: Richard Souza)

Neste sábado, foi a vez de o capitão Léo Moura fazer elogios ao jogador. O camisa 2 caprichou na definição do reforço.

- Tem técnica, bom passe, é um jogador inteligentíssimo. Tivemos os treinos com ele e você vê a experiência para enfiar uma bola, achar o companheiro. A equipe vai ganhar muito com isso. Ele vai nos ajudar bastante.

Léo contou que Carlos Eduardo conta os minutos para jogar pela primeira vez pelo clube e tem demonstrado isso para o grupo. O lateral acredita que a estreia em um jogo de peso será positiva e irá motivá-lo ainda mais.

- Ele está ansioso, com vontade de estrear. Vai ser imporatnte fazer a estreia num clássico. Vamos dar todo o suporte para que ele consiga estrear com o pé direito.

Se optar por Carlos Eduardo, Dorival vai manter a formação que tem dado certo na Taça Guanabara, no 4-3-3. Caso decida deixar CE10 no banco, Cleber Santana vai para o jogo e o esquema passa a ser o 4-4-2. A provável escalação: Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Cáceres (Amaral), Ibson e Elias; Carlos Eduardo (Cleber Santana), Hernane e Rafinha.

Flamengo e Botafogo jogam às 18h30m (de Brasília). Se vencer, o Rubro-Negro se classifica para a semifinal. O GLOBOESPORTE.COM detalha todos os lances em Tempo Real. O PFC transmite para todo o Brasil.

Fonte Link



Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário