Translate

terça-feira, 2 de abril de 2013

Agente de Ibson nega ‘conspiração’ do Flamengo, mas ressalva: ‘Não ganha desproporcional a ninguém’




Diogo Dantas

Colocado de lado pela diretoria do Flamengo desde a troca de administração, Ibson ganhou força e virou titular com boas atuações na Taça Guanabara, mas bastaram alguns tropeços da equipe e a troca de treinador no segundo turno para o jogador, que tem alto custo (R$ 300 mil) perder espaço com Jorginho. Fora da lista para a estreia na Copa do Brasil, o jogador completará três jogos sem ser titular.

Ele e outros atletas herdados da administração anterior têm perdido cada vez mais o lugar na equipe. Alguns inclusive negociam dívidas com a diretoria, entre eles Ibson. A maioria dos renegados, aliás, formam uma espécie de “lista negra” e tem salários altos.

O empresário de Ibson, Eduardo Uram, disse que não há desconforto com a posição do clube e descartou qualquer teoria de que o jogador estaria sendo induzido a sair. O agente lembrou que o salário de Ibson não é maior que de outros atletas, sobretudo os recém-contratados.

— Ele não ganha desproporcionalmente a ninguém e menos ainda aos novos que chegaram. As pessoas podem me chamar e dizer que ele não está nos planos. Mas isso não foi feito — garantiu o empresário, confirmando que as dívidas em relação a direito de imagem foram parceladas e estão em dia.

No momento, Carlos Eduardo tem custo de R$ 600 mil, entre salários e luvas, e Elias deslfaca o clube na mesma proporção. A saída do time em um bom momento gerou surpresa para o jogador e seu agente, que nega desconforto.

— Não tem desconforto nenhum. Ninguém pensa em outra coisa que não um critério técnico. Ibson não está acostumado com isso. Mas não tem teoria da conspiração. Houve reunião, tanto o Ibson quanto nós resolvemos não nos expor nesse assunto financeiro, escutamos a proposta e vamos aceitar. Isso não é nenhum tema controverso. — disse Uram.

O empresário, por fim, declarou confiar no critério do técnico Jorginho.

- Conheço bem o Jorginho e não vou questioná-lo. Ele não admite interferência de diretoria. Faz as coisas com convicção. Imaginamos que ele tem um plano tático de jogo, alguns atletas com características semelhantes ao do Ibson. Um jogador do peso do Ibson é difícil levar pra deixar de sobreaviso.


Fonte Link



Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário