Translate

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Fla mapeia mercado e inicia contatos por Welliton, do Spartak Moscou




Clube procura intermediário de clube russo para saber condições da negociação. Alto salário é entrave


Por Eduardo Peixoto e Richard SouzaRio de Janeiro



Welliton em treino do Spartak no fim de 2010
(Foto: agência Getty Images)

O Flamengo mandou para a Rússia o seu principal atacante e do mesmo país planeja uma solução para estancar o problema ofensivo. A diretoria iniciou conversas para contratar Welliton, do Spartak de Moscou. O intermediário é o empresário Jorge Machado, credenciado pelo clube moscovita para operações no Brasil.

Por enquanto, a discussão está no molde da negociação e não houve conversa direta com o jogador. Aos 26 anos, Welliton tem contrato até julho de 2014 e custaria 7 milhões de euros (cerca de R$ 19 milhões), valor inviável para o Rubro-Negro. Recentemente, o Spartak contratou os atacantes Waris e Movsisyan, e o brasileiro perdeu espaço - ainda há o também brasileiro Ari, Dzyuba e Emenike à disposição.

Discute-se a possibilidade de empréstimo por um ano, mas o jogador teria que ampliar o vínculo com o Spartak. Há também outro empecilho: duas vezes artilheiro da Rússia, em 2009 e 2010, e cobiçado por equipes da Alemanha, o ex-jogador do Goiás assinou há duas temporadas um contrato padrão top da Europa e recebe um dos maiores salários do país - cerca de R$ 6,75 milhões por ano. Com todos os entraves, o Flamengo nega o interesse.

- Não tem nada, não vou contratar jogador. Ficam lançando esses nomes na mídia. O Flamengo não tem dinheiro. O único negócio em andamento é com o Carlos Eduardo. Vamos reforçar o time com os garotos - garantiu o diretor Paulo Pelaipe.

Na atual temporada, Welliton participou de 11 jogos - sete deles como titular - e fez dois gols. Ele está na Rússia desde 2006.



Fonte link




siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário