Translate

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Rombo no Flamengo é de 750,7 milhões de reais




Auditoria promovida pela nova gestão encontra débitos 300% acima do estimado pelos antigos dirigentes
Malu Gaspar, do Rio de Janeiro

Jorginho é apresentado como novo técnico da equipe do Flamengo no CT do clube na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (18) (Bruno Poppe/ Frame)

Depois de três meses debruçados sobre os arquivos do Flamengo, os auditores da Ernst & Young contratados pela nova gestão do clube finalmente concluíram a radiografia financeira do rubro-negro. O resultado da auditoria deve piorar os ânimos já acirrados no clube, que tem tido desempenho pífio nos campos. O rombo é de 750,7 milhões de reais – 300% acima do estimado inicialmente pelos antigos dirigentes. A maior parte da dívida é com o fisco. São 394 milhões em impostos não pagos, dos quais 86,7 milhões do período da gestão Patrícia Amorim. Outros 184 milhões de reais são referentes dívidas trabalhistas e pagamentos judiciais. Há ainda 172 milhões de reais separados para cobrir futuras despesas com condenações.

Os resultados da auditoria serão apresentados nesta sexta-feira a 30 conselheiros flamenguistas, em reunião convocada pelos novos dirigentes para marcar os cem primeiro dias de gestão. O mapa financeiro do clube devera ser usado no planejamento dos próximos meses.

Embora o rombo seja bem maior do que o esperado, os dirigentes garantem que será possível incrementar o time com vistas a chegar à Copa Libertadores em 2014 e ao Mundial de Clubes em 2015. É um sonho alto. Apesar de ter conseguido um contrato milionário de patrocínio com a Adidas, Até o momento, no entanto, o time tem dificuldade para contratar jogadores com qualidade para a empreitada.

O projeto dos novos dirigentes prevê intensificar as franquias com a marca Flamengo, obter incentivos fiscais para os projetos do clube e captar patrocínios para os esportes olímpicos. No futebol, a estratégia é montar um fundo de investimentos e captar dinheiro entre grandes investidores para formar um time competitivo. O clube acaba de criar também um programa de sócio-torcedor que dá prioridade à compra de ingressos e descontos em empresas que tenham convenio com a marca rubro-negra. Ate agora, 11 mil torcedores aderiram.


Fonte Link


Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário