Translate

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Wellington Bruno aguarda decisão do Fla sobre permanência: 'Mereço ficar'


Há dois meses no clube, meia tem conseguido se destacar e espera permanecer pelo menos mais seis meses: 'Surpreendi muita gente'



Nove jogos com a camisa do Flamengo, sendo dois como titular, um pênalti sofrido, uma assistência para Vagner Love e alguns bons lances (assista ao vídeo). Ele ainda acha que é pouco e espera ter tempo de fazer muito mais pelo clube. Wellington Bruno desembarcou no Rubro-Negro no último dia das inscrições para o Campeonato Brasileiro. A chegada foi sem badalação, mas com personalidade. Pediu a camisa 9, que estava sem dono, e começou a ganhar espaço. O bom desempenho faz crescer a expectativa de continuar. Aos 26 anos, ele tem contrato de empréstimo até 31 de dezembro, e o Flamengo tem a opção de prorrogação por mais seis meses. Os jogos contra Vasco e Botafogo, nas duas últimas rodadas, serão encarados como decisões.

- Não tem nada certo ainda, estou trabalhando para ficar. Espero poder continuar. Cheguei num momento difícil ao clube, com o time precisando vencer, perto da zona de rebaixamento. Foi difícil, tinha que me adaptar logo, não tinha jogado com ninguém do clube ainda. Você entra na fogueira, mas consegui me adaptar rápido. Fui melhorando a cada jogo e espero que continue. Essas partidas serão muito importantes para mim – disse.

Wellington Bruno foi contratado pelo Rubro-Negro depois de ter feito seis gols na campanha do Ipatinga na Série B, mas ainda não conseguiu marcar pela equipe de Dorival Júnior. No Flamengo, teve de mudar de posição. Trocou a função de armador que exercia no Tigre e virou segundo atacante. Outra entre tantas novidades.

- No começo foi um pouco difícil, vinha jogando de meia armador. Como cheguei no Flamengo com a equipe em uma situação ruim, fui escalado para jogar mais na frente. Não estava armando tanto, já que entrava no segundo tempo, mas fui me acostumando. Gosto de jogar armando, mas me senti bem no ataque, apesar de não conseguir ficar parado na frente (risos). Mas está sendo uma boa experiência.
Wellington Bruno em ação pelo Flamengo (Foto: Felipe Azevedo / FlaImagem)

Perto de completar dois meses de clube, no próximo dia 22, o camisa 9 acha que conseguiu surpreender, inclusive os companheiros. E faz campanha para ficar.

- Acho que surpreendi muita gente. O segredo foi a tranquilidade. Muitos pensaram que eu não conseguiria jogar, ouvi essas coisas porque saí de um time menor, o Flamengo precisava de grandes jogadores. Muita gente não acreditava. A ficha demorou para cair, a ansiedade tomou conta, mas consegui jogar. Peguei amizade rápido, isso ajudou muito. Você faz duas partidas boas, pega a confiança com os companheiros, começa a receber bolas. Isso foi acontecendo a cada jogo. Parece que estou há mais tempo. Acho que consegui me adaptar rápido com o time, com a torcida. Não tinha o costume de marcar, de voltar, de correr atrás da bola. Estou lutando para conquistar meu espaço. Por isso eu mereço ficar. Acho que não fiz tudo que quero e pretendo, mas é um grande começo.

Os direitos econômicos do jogador pertencem ao banco BMG, que é parceiro e patrocinador do Rubro-Negro. O clube nada pagou pela contratação e arca apenas com os salários de Wellington Bruno. São boas achas chances de o camisa 9 continuar.




fonte link


siga-nos pelo twitter https://twitter.com/urubucarniceiro e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário