Translate

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Love: 'Troca de presidente no Fla tem causado sérios problemas financeiros'




Em entrevista a jornal, atacante do CSKA admite que aceitou oferta para voltar ao país 'quase imediatamente' e vê time forte para ir à Champions


Por GLOBOESPORTE.COMMoscou


Vagner Love em sua apresentação: atacante usará
a camisa 9 (Foto: Divulgação / Site Oficial do CSKA)

Vagner Love voltou à Rússia após praticamente um ano fora. Para a surpresa da imprensa no país, diga-se, que esperava vê-lo brilhar nos gramados brasileiros por algum tempo depois de o Flamengo entrar em acordo com o CSKA. Em entrevista ao jornal russo "Sport-Express", o atacante explicou por que retornou à Moscou e expôs a fragilidade financeira do Rubro-Negro.

- A troca de presidente no Flamengo tem causado sérios problemas financeiros para o clube. É por isso que quando meus agentes me ofereceram para voltar ao CSKA eu aceitei quase imediatamente. Tudo foi feito em apenas três dias e eu acredito que é no melhor interesse de todos - disse.

Em janeiro de 2012, sob condução do ex-vice de finanças Michel Levy, o Flamengo aceitou pagar em quatro parcelas € 10 milhões (R$ 27 milhões na cotação atual) pelos direitos econômicos do atacante. Ao longo do ano passado, os russos receberam € 4 milhões (R$ 10,8 milhões).

Atolada em penhoras e com quase todas as receitas deste ano comprometidas, a nova diretoria não resistiu ao flerte do CSKA, que começou em agosto e se intensificou após o Réveillon. O ex-clube de Love acenou com uma proposta simples: “esquecer” os € 6 milhões (R$ 16,2 milhões) pendentes para a conclusão do negócio e ter o jogador de volta. Além disso, fez uma proposta salarial vantajosa ao artilheiro, que aceitou prontamente.

Feliz na nova - e antiga - casa, Love planeja um período de sucesso. Como o campeonato no país está em pausa por conta do rigoroso inverno (o retorno está marcado para março), ele ainda terá de esperar para usar a camisa 9 oficialmente. Ao menos sabe que o CSKA está forte e é um dos candidatos ao título nacional - é o líder do Russo após 19 rodadas, com dois pontos a mais que o Anzhi.

- O CSKA contratou muitos jogadores fortes, o meu compatriota Mário Fernandes e os suecos Pontus Vernbloom e Rasmus Elm. Enquanto isso, aqueles que já estavam no time há um ano amadureceram e se tornaram mais fortes. Juntos nós somos uma ameaça séria. Não tenho dúvidas de que o CSKA irá ganhar o Campeonato Russo e representar o país na Liga dos Campeões - encerrou.

Fonte link




Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário