Translate

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Felipe volta a sonhar com Seleção após saída de antigo desafeto da CBF




Em boa fase, goleiro do Flamengo lembra problema com o ex-diretor de seleções Andrés Sanches e almeja uma vaga na Copa do Mundo de 2014


Por GLOBOESPORTE.COMRio de Janeiro


Felipe elogia elenco do Fla
(Foto: Alexandre Cassiano / Ag. O Globo)

As mudanças na seleção brasileira no fim do ano passado fizeram Felipe voltar a sonhar com a disputa da Copa do Mundo de 2014. A esperança não é só pela chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, mas principalmente pela saída de Andrés Sanches do cargo de diretor de seleções da CBF. O dirigente e o goleiro são desafetos desde os tempos em que ambos estavam no Corinthians. Em agosto de 2010, quando o jogador deixou o clube paulista de forma conturbada e se transferiu para o Braga, de Portugal, os dois chegaram a trocar farpas publicamente.

Agora, em grande fase no Flamengo, Felipe almeja uma chance com a Amarelinha e lembra de suas passagens pelas Seleções de base, entre os 15 e os 20 anos.

- Sonhar não custa nada e também não paga. Mudou a comissão e muitos sabem que eu tinha problemas com uma pessoa que estava na Seleção, desde a época do Corinthians. Não era o técnico, mas era membro da CBF. Vou continuar fazendo o meu trabalho. Quero ganhar os títulos para, se houver a oportunidade, estar pronto. O Brasil está bem servido de goleiros. Há muito tempo não tínhamos tantos bons goleiros atuando aqui. As principais equipes do país têm o seu. Vou continuar trabalhando para, quem sabe, conseguir uma dessas vagas no grupo que vai para a Copa. Defendi as Seleções de base dos 15 aos 20 anos. Na sub-17, fomos até campeões sul-americanos, em 2001. Sonho voltar.

As esperanças de Felipe podem aumentar já na convocação para o amistoso contra o Chile, no dia 24 de abril. Na última segunda-feira, Luiz Felipe Scolari anunciou que deve chamar para a partida apenas jogadores que atuam no futebol brasileiro.

Nos sete jogos que disputou no Carioca, Felipe sofreu apenas três gols, e o Rubro-Negro tem a melhor defesa da competição. O goleiro divide os méritos com todos os jogadores. Para ele, o segredo é o empenho na marcação, começando no ataque.



- Se estamos com a melhor defesa, isso é fruto da dedicação de todo mundo. Os atacantes, os meias, os volantes, os laterais e os zagueiros estão marcando muito bem. Assim, a bola chega na defesa mais tranquila. É uma característica que o Love tinha e o Hernane manteve.

Felipe aproveitou para mandar um recado a quem não acreditava na equipe rubro-negra nesta temporada. Para ele, o Flamengo está no caminho para brigar por títulos importantes em 2013.

- Mal começou o ano e já davam o Flamengo como o mais fraco do Rio. Agora estamos em primeiro. Sabemos que tudo pode acontecer, podemos chegar e não ganhar. Todo mundo que chegou se encaixou: Elias, João Paulo, Wallace e agora o Carlos Eduardo. E quem subiu também deu conta do recado: Rafinha, Nixon, Igor e o Rodolfo, que para mim vai ser um grande craque. São atletas que não tiveram badalação e estão muito bem.

O Flamengo ocupa a primeira colocação do Grupo B da Taça Guanabara, com 19 pontos, e já está classificado para a semifinal. O Rubro-Negro volta a campo neste sábado, às 18h30m, contra o Olaria, em Volta Redonda, pela última rodada da primeira fase.



Fonte Link


Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário