Translate

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Flamengo vive dilema entre dar ritmo a reforços contra o Olaria e acirrar disputa por vaga



Felipe não quer dar brecha para Paulo Victor e dispensa descanso Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo
Diogo Dantas


A boa campanha na Taça Guanabara causou um dilema no Flamengo. Classificado para as semifinais, a equipe pode usar o jogo contra o Olaria, no próximo sábado, para dar ritmo de jogo a alguns de seus principais reforços, como Carlos Eduardo e Gabriel. Se essa for a opção do técnico Dorival Júnior, os atletas que vêm atuando não vão ficar tão satisfeitos de descansar, com receio de perder a vaga.

- Ninguém quer dar brecha. Vai que poupa um e o outro entra e faz três gols - comentou o goleiro Felipe, que já foi barrado por Paulo Victor ano passado quando ficou doente. Para o camisa 1 o bom momento do time vai dar trabalho não só para os adversários, mas também para o treinador.

- O Dorival está quebrando a cabeça até para montar o banco, tem o Gabriel liberado agora, a disputa é sadia. Já vimos aqui ele quebrar para completar com juniores, agora está deixando bons atletas de fora - emendou o goleiro.

Ontem, o atacante Gabriel fez seu primeiro treino com bola com o elenco e já está apto a jogar. O problema é que, em tese, o reforço entraria na vaga de Rafinha, novo xodó da torcida e em ótima fase.

- Ele não deixa o lateral apoiar, fica a preocupação, e isso é muito importante, ele assimilou bem, está fazendo perfeitamente, fico feliz de estar do nosso lado - elogiou o lateral-esquerdo João Paulo, que também não quer brecha para Ramon, recém-barrado. - Eu quero jogar - avisou.



Fonte Link


Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário