Translate

sábado, 11 de agosto de 2012

Filho de Bebeto perde espaço no Fla e é barrado por Dorival após ascensão 'meteórica'





Sem dinheiro para contratar um camisa 10 de peso, o Flamengo viu nas categorias de base a solução para os problema do time no meio campo e ataque. De uma vez só, o clube promoveu a subida de Mattheus, Adryan e Thomás aos profissionais e, em pouco tempo, os três experimentaram a sensação da titularidade. No entanto, após uma ascensão meteórica, o primeiro, filho de Bebeto, perdeu espaço no elenco, foi barrado por Dorival Júnior e nem sequer tem sido relacionado para os últimos jogos.
siga-nos pelo twitter @urubucarniceiro e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo

Ao contrário de Thomás e Adryan, o jovem de apenas 18 anos não aproveitou as seis oportunidades que teve até aqui no Campeonato Brasileiro. Em cinco vezes, Mattheus saiu do banco e entrou no decorrer da partida como opção. No jogo contra a Portuguesa, no último dia 26 de julho, na estreia "relâmpago" de Dorival, ele foi titular. Foi a última chance do filho de Bebeto.

Contra o São Paulo, no fim de semana seguinte, ele chegou a ser relacionado, mas não saiu do banco. Na última quarta, contra o Figueirense, com um time totalmente montado por Dorival Júnior, ele foi vetado e nem sequer viajou. O mesmo aconteceu neste fim de semana, na viagem para Volta Redonda, onde o time enfrenta o Náutico neste sábado.

Apesar das claras evidências da perda de espaço de Mattheus, o jovem parece não se abalar. Interamento, no rubro-negro, muitos o apontam como principal valor da base do clube. Além disso, entendem que a barração de Dorival Júnior seria uma maneira de evitar a pressão e até mesmo uma exposição do jogador.

Zico como exemplo

Não por acaso, muitas vezes as pessoas relembram o caso de Zico ao comentarem a situação de Mattheus. Os mais velhos cansam de repetir ao filho de Bebeto que até mesmo o maior ídolo da história do clube foi barrado quando mais novo e teve que esperar uma nova chance para, enfim, brilhar.

Atualmente, mesmo sem o brilho e o desfecho da história do "Galinho", Mattheus pode se inspirar em Thomás. Outra jovem promessa do Flamengo, o jogador chegou a ser devolvido aos juniores antes de finalmente despontar no time principal. Neste sábado, às 21h, em Volta Redonda, ele será mais uma vez do rubro-negro na partida contra o Náutico, pela décima sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

fonte esportes uol
Postar um comentário