Translate

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Diretor do Fla sobre reforços: 'Nível de titularidade, não apenas de elenco'

Pelaipe diz que clube negocia com três, quatro jogadores que seriam titulares e confirma reunião para definir futuro de Léo Moura e Renato


Por Eric Faria e Janir JúniorRio de Janeiro



Paulo Pelaipe trabalha para reforçar o Fla
(Foto: Fernando Azevedo / Fla Imagem)

Depois de passar o Natal em Porto Alegre, o diretor executivo do Flamengo, Paulo Pelaipe, retornará ao Rio de Janeiro na manhã desta quinta-feira com negociações para contratações de reforços engatilhadas. Os nomes são mantidos em sigilo para não prejudicar o andamento das conversas. O dirigente confirmou que ao longo da quinta-feira conversará com Claudio Guadagno, empresário de Renato Abreu, e Eduardo Uram, representante de Léo Moura, para definir a situação dos jogadores. O contrato da dupla se encerra no dia 31 de dezembro. E a saída de Wellington Silva é dada como sacramentada.

- Estamos em negociação com três, quatro jogadores a nível de titularidade, não apenas de elenco. São nomes que chegariam para ser titulares. Volto ao Rio na manhã desta quinta e terei também uma conversa com os empresários de Renato e Léo Moura para definir a situação - afirmou Paulo Pelaipe, por telefone.

Um lateral-direito está na lista de reforços. A saída de Wellington Silva é considerada certa. O jogador mandou uma notificação endereçada ao clube dizendo que não quer seguir na Gávea em 2013. O contrato do jogador se encerra no próximo dia 31. O Fluminense é o destino mais provável, porém a novela promete ter mais capítulos nos bastidores.

O nome que apareceu em meio ao agitado mercado de negociações foi o de Giuliano, de 22 anos, do Dnipro, da Ucrânia. O meia participou da conquista da Libertadores de 2010 pelo Internacional. Quando era diretor do Grêmio, Pelaipe chegou a tentar a contratação do jogador, mas as altas cifras inviabilizaram o negócio. No entanto, um acerto não está descartado.

Quem chegou a ser alvo de debate interno no clube foi Montillo. Mas, diante dos valores oferecidos pelo Santos ao meia do Cruzeiro, o Rubro-Negro abortou o início de uma possível negociação.




fonte link


siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário