Translate

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

CBF cogita diminuir prêmio dos clubes por participação na Copa do Brasil




Competição não tem patrocinador master e valor das cotas está sendo reavaliado



Igor Siqueira

A CBF está em processo de finalização da definição dos valores da premiação referente a cada fase da Copa do Brasil-2013 e admite que a ausência de um title sponsor – patrocinador que agrega a marca ao nome da competição – vai interferir negativamente no montante de dinheiro a ser distribuído para cada clubes. A expectativa da entidade é anunciar os valores em aproximadamente 15 dias.

Para sacramentar quanto os times vão embolsar neste ano, a CBF está colocando na balança o fato de haver mais clubes envolvidos. Este inchaço diminuiria a grana per capta da competição, já que tem mais gente para ganhar fatia do bolo. Por outro lado, o aumento da disputa, com participação dos clubes que estão na Libertadores, gera uma valorização, o que refletiria em uma premiação mais polpuda a ser rateada.

No ano passado, com a Kia sendo o patrocinador master, o campeão Palmeiras levou R$ 4,2 milhões. Só que como a Copa do Brasil neste ano sofreu um aumento de participantes (de 64 para 86) e fases (mais uma), as cotas praticadas em 2012 não serão mais usadas.

A negociação com patrocinadores é de responsabilidade da Traffic. A empresa está buscando novos parceiros, chegou até a conversar com a própria Kia, mas o contrato não será prorrogado por opção da montadora, que não quer investir em tempos de crise nas exportações de automóveis. A fase preliminar da competição começa dia 27 e é grande a chance de que ela seja iniciada sem um title sponsor.

Fonte Link


Siga-nos pelo twitter e fique por dentro das noticias do mais querido do mundo
Postar um comentário